Logon
Blog

Tire suas dúvidas sobre hemorroida

Leia mais e tenha informações seguras sobre saúde.

​​Convenhamos, falar sobre hemorroidas não é o assunto predileto de ninguém. Além de ser um tema muito íntimo, a maioria das pessoas ficam constrangidas e preferem esconder o “problema”.

Considerando que, 80% das pessoas têm ou terão hemorroida em algum momento na vida, o Dr. José Luiz Capalbo, cirurgião do aparelho digestivo do Hospital 9 de Julho, responde a algumas dúvidas é importante lembrar que só um médico pode fazer o diagnóstico e realizar o tratamento adequado. 

​​O que são as hemorroidas?

São veias ao redor do ânus ou do canal anal que inflamam ou dilatam. É esperado que as veias tenham certa elasticidade durante o movimento intestinal, mas, quando há muito esforço para evacuar, isso pode impedir o processo de drenagem do sangue facilitando, portanto, a formação de coágulos.​

​​As hemorroidas são sempre visíveis?

Nem sempre. Algumas podem parecer varizes como as comumente vistas nas pernas. Já as internas são as que provocam os sintomas mais fortes.

​​Quais são os sintomas da hemorroida?

Entre eles estão coceira causada pelas veias inchadas e o aumento da tensão sobre nervos, com dor durante e depois de evacuar. Em alguns casos as veias podem romper provocando sangramentos.  

​​​Todo sangramento ao evacuar é sintoma de hemorroida?

Não. Várias outras doenças podem provocar esse sintoma como câncer do reto, doença diverticular e infecções. Por isso, se houver sangramento ao evacuar é importante consultar um médico. Um mesmo paciente pode ter hemorroidas e outra doença simultaneamente. Por isso, além do gastroenterologista, consulte também um proctologista.

​​​Quais são as causas da doença?

Há uma variedade de causas. Pessoas obesas são mais propensas a desenvolver o problema, pois o excesso de peso pressiona as veias. Ter uma vida sedentária também é outro fator de risco, pois reduz o estímulo para a digestão dos alimentos e, consequentemente, afeta a irrigação de sangue no ânus. Dieta pobre em fibras e predisposição genética também estão entre as causas. 

​​​A gestação pode contribuir para a formação da hemorroida?

Sim. Há mulheres que podem desenvolver hemorroida na gravidez, já que o peso do feto provoca pressão sobre as veias. 

​​Quais são os tratamentos para a doença?

Os tratamentos variam de acordo com o estado de cada paciente. Alguns casos podem ser resolvidos com uso de pomadas ou supositórios. Outros podem necessitar de cirurgia chamada de hemorroidectomia e que implica na retirada das veias comprometidas. Uma nova técnica cirúrgica (Desarterialização Hemorroidária) pode tornar o tratamento menos invasivo para os pacientes, com menos dor, aplicação em diferentes graus da doença, não apresentar complicações crônicas ou graves, fácil execução, além de uma recuperação mais rápida. ​

​​O que fazer para prevenir o surgimento de hemorroidas?

Que tal investir em hábitos saudáveis, rotina de exercícios físicos e alimentação equilibrada, rica em alimentos com fibras? É importante também beber bastante líquido e evitar o excesso de bebidas alcoólicas. Tudo isso é, aliás, recomendação para afastar uma série de doenças. Que tal começar a mudar sua vida para melhor?



Centros_0004_Gastroenterologista.png


​​​

Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430.​​


LEIA MAIS:

O que é Colonoscopia?

Dicas para uma alimentação leve e nutritiva

Por que é importante combater o sedentarismo?


Veja mais